terça-feira, 6 de dezembro de 2005

APP

http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1241159

Não é problemático? Claro que não. Todos vivemos bem sem exames. Não teremos o trabalho de os corrigir e não sofreremos a pressão de preparar os alunos.


«Os resultados não indicam isso (que as provas promovem a qualidade das aprendizagens). Evidenciam os problemas, mas não contribuem para os resolver e as médias até baixaram entre 1999 e 2004», disse Feytor Pinto .
Terei lido bem??? É melhor esconder os problemas???
As médias baixaram? ........... Por que será?
Desisto.

5 comentários:

soledade disse...

Será por isso que não me consigo manter como associada da APP? Sempre que esboço o regresso sou empurrada para trás.

Em sentido oposto ao de Feytor Pinto, Valter Lemos dizia na Sic Notícias que extinguir os exames de Português e de Filosofia aumentaria a exigência (ou rigor?, não sei bem, contaram-me, eu não vi) porque estas disciplinas apresentam habitualmente boas médias de exame. Pareceu-me haver aqui um raciocícinio perverso. Mas se calhar a dificuldade de entendimento é minha.

emn disse...

é muito difícil entender-se o que vai no emaranhado da massa cinzenta que se arrasta nesse comentário... Não o ouvi... Serão, deduzo eu, daqueles comentários herméticos a que, de alguma forma, já me vou habituando, neste mar negro em que navegamos. Mas de cérebros de onde têm nascido as actuais «reformas» do ensino, nada mais natural - não se percebe, porque não é para perceber...

Prof24 disse...

Bom dia. Conheci hoje o seu blog e... gostei. Também sou professor e sou administrador do http://professorsemquadro.blogspot.com. Importar-se-ia se colocasse um link para este seu blog lá?

Cumprimentos,

MSAL

emn disse...

prof24:
Claro que sim...

emn disse...

aliás... claro que não me importo :)